Usina tem milhares de mudas para doação - Jornal Fato
Meio Ambiente

Usina tem milhares de mudas para doação

Quem desejar receber as mudas deve reivindicar por e-mail: [email protected]


Indústria oferece gratuitamente para quem deseja recuperar nascentes no litoral sul

Ipê, oiti, jequitibá, jenipapo, angico, farinha seca e pau jacaré: estas são algumas das espécies de árvores nativas da Mata Atlântica que a Usina Paineiras, em Itapemirim tem para doar gratuitamente, ainda em tamanho de mudas, a quem deseja proteger ou recuperar nascentes e matas ciliares no litoral Sul do Espírito Santo.

As mudas são produzidas pelo viveiro da própria usina, que é o maior privado do Sul do estado e tem mais de 40 anos, período em que foram distribuídas mais de 300 mil unidades de 230 espécies, 80% delas são típicas da Mata Atlântica.

A iniciativa da doação faz parte do programa Ipê Amarelo (em que a indústria articula educação com outras iniciativas ambientais) e consiste na participação da Usina Paineiras no Pacto Pelas Águas, para reverter a devastação ambiental das bacias hidrográficas do Sul do Espírito Santo.

"Cuidar do meio ambiente faz parte dos 106 anos de operações ininterruptas da Usina Paineiras, que, por exemplo, sempre preservou a sua Mata do Ouvidor, às margens da rodovia Safra x Marataízes, de tal modo que este é atualmente o maior fragmento privado de Mata Atlântica original da nossa região", afirma Antonio Carlos de Freitas, que é diretor-superintendente e de Negócios da indústria.

Há alguns anos, a Usina Paineiras também tem plantado as mudas em suas terras, com a participação de estudantes de escolas públicas da região, contribuindo com a recomposição da mata ciliar do rio Itapemirim junto da educação ambiental.

Quem desejar receber as mudas doadas pela Usina Paineiras deve se comunicar para sua Gerência Ambiental, por meio do e-mail [email protected]

Comentários

VEJA TAMBÉM...