Cobranças e mais na 1ª sessão da Câmara - Jornal Fato
Política

Cobranças e mais na 1ª sessão da Câmara

Coluna vai acompanhar a atuação dos vereadores de Cachoeiro de Itapemirim, principalmente em plenário


Periodicamente o jornal FATO fará o acompanhamento da produção legislativa na Câmara de Cachoeiro de Itapemirim, tendo nesta semana, com a primeira sessão ordinária, o início deste trabalho. Em resumo, foram alguns agradecimentos e muitas cobranças à Prefeitura de Cachoeiro e até Governo do Estado por obras pendentes e/ou desejadas. Coube ao vereador Alexandre de Itaoca atuar, como líder do governo, em alguns dos embates, apresentando ponderações e justificativas. Neste espaço serão reproduzidas e contextualizadas falas e feitos dos parlamentares durante as sessões.

As fotos que ilustram são do arquivo da Câmara Municipal.


Prismas irregulares
O vereador Ary Corrêa (Patriota) denunciou que os prismas de cimento instalados no bairro Coronel Borges para impedir o tráfego de caminhões são contra o artigo 40 do CTB. O presidente da Câmara, Brás Zagotto, esclareceu que o impedimento do tráfego é devido às más condições da Ponte dos Arcos, e que precisam cobrar do prefeito a resolução do problema.


Mais estrutura


Também em relação a estrutura, o vereador Delandi Macedo (Podemos) lembrou a lista de investimentos prioritários para Cachoeiro de Itapemirim, que foi entregue ao governo do estado em 2019. A primeira proposta era um anel rodoviário, seguido da Rodovia do Caramba, Ponte Rubem Braga x Valão, Rodovia Universitária e o Samu, recentemente conquistado. O governador, à época, assumiu o compromisso de melhoria ao menos na rodovia do Frade e de São Joaquim, "que está uma vergonha". Segundo o parlamentar, Cachoeiro está crescendo, precisa continuar se desenvolvendo, e precisa de apoio do Governo do Estado para isso.


Vacina para professor
O vereador Diego Lube (PP) quer contar com seus pares para a confecção de um abaixo-assinado endereçado ao Governo do Estado, para que a inclusão dos professores como prioridade na vacinação contra a Covid-19 para maior segurança na volta às aulas.

Libras na Câmara
A Escola do Legislativo, da Câmara, vai oferecer curso de Libras e Primeiros Socorros. Uma parceria foi firmada com a faculdade Uninter, que oferecerá cursos gratuitos para os servidores da Casa, além de descontos nas graduações e pós graduações. As informações são do vereador Diogo Lube, que propõe que a Câmara tenha intérprete/ tradutor de libras atuando nas sessões e reuniões públicas, atendendo a legislação federal.


Cobra um


Embora esteja satisfeito com a reforma da praça do bairro Coramara, o vereador Léo Camargo (PL) cobra da Prefeitura outras demandas da comunidade, como a escadaria que liga a Av. Jorge Simão à Rua Fotógrafo Guilherme. Revelou que seu sonho é "conquistar" galeria de esgoto para o bairro. Para ele, é absurdo a comunidade ainda conviver com esgoto a céu aberto, com mato alto e ao lado de escola.

Cobra outro


O vereador Paulinho Careca cobrou da secretaria municipal de obras solução para a falta de segurança para a travessia de pedestres na Av Jones dos Santos Neves, no trecho do "bolo de noivas" até a entrada do IBC. Também quer a instalação do campo "Show de Bola" prometido pelo prefeito para o bairro Jardim Itapemirim.

Cobram ambos
Léo Camargo também cobrou a continuação das obras de pavimentação interrompidas no bairro Gilson Carone. Seu par, Paulinho Careca, sobre as obras no bairro, diz que o processo de licitação se arrasta desde 2018.


Lá e cá
O vereador Juninho Corrêa (PL) não gostou da nomeação do secretário municipal de saúde de Cachoeiro, "devido aos processos por improbidade e assédio sexual que responde", mas parabenizou pela eleição o presidente da Câmara Federal, Arthur Lira (PP), que é réu por corrupção em dois processos no Supremo Tribunal Federal.

Subsídio
O subsídio ao transporte coletivo pela Prefeitura de Cachoeiro foi duramente criticado pelo vereador Juninho Corrêa, que também declarou ser a favor da extinção da Agersa, agência que regula os serviços delegados, como o de transporte. O também vereador Alexandre de Itaóca explicou a importância do subsídio do transporte público para que não haja reajuste do valor da passagem, que subiu no último dia de janeiro para empresas e quem paga em dinheiro a bordo, mas há três anos se mantém sem acréscimos para os usuários da bilhetagem eletrônica.


Vias intransitáveis


O vereador Silvinho Coelho (Republicanos) apresentou 41 indicações de melhorias em estradas do interior. Diz que é cobrado pela população em suas andanças por conta de vias "que estão intransitáveis". No ensejo, cobrou intervenção na ponte da Usina São Miguel, demanda que se arrasta há bastante tempo.

É muita estrada


Entretanto, segundo o vereador Alexandre de Itaoca (PSB), são muitas demandas de melhorias nas estradas do interior, mas são quase 800km de estradas vicinais no município e que todos os serviços realizados nas mesmas são paliativos, enquanto não são asfaltadas. Desejou que o ex-vereador Alexandre Bastos utilize os recursos com sabedoria para obter sucesso no trabalho da Secretaria de Interior, mantendo a parceria com a secretaria de agricultura.


Na batalha


Nove ruas precisam de drenagem e pavimentação no Alto Vila Rica, segundo o vereador Brás Zagotto (PV). Atual presidente da Câmara, afirmou que continuará batalhando para que as obras sejam executadas.


"Tamo junto!"


O vereador Mestre Gelinho (PSDB) declarou que o PSDB, tendo ele e Vandinho da Padaria como vereadores neste mandato, está na Câmara para somar com o Executivo no que for bom para a população e acredita na união do Legislativo.


Wagner Santos Diretor e editor Jornalista

Comments