Artesanato Cachoeirense Cresce - Jornal Fato
Artigos

Artesanato Cachoeirense Cresce

A semana passada e esta foram pródigas em mostrar o crescimento do Artesanato em Cachoeiro


A semana passada e esta foram pródigas em mostrar o crescimento do Artesanato em Cachoeiro. Muitos e muitos artesãos da terra estão aparecendo.E a cada dia surgem mais, com as redes sociais; mais eles aparecem, a ponto de eu começar a acreditar que agora vai. E não só aparecem simplesmente, como aparecem trabalhos de qualidade superior, cada vez mais superior.

Esse renascimento deveria ser muito bem valorizado pela cidade, vez que, com a globalização do comércio, a possibilidade de crescimento comercial tradicional cada vez mais fica difícil. Ainda que não impossível o crescimento do mercado tradicional, ele tem dificuldade de vender máquinas, roupas, tecidos, livros, etc.Tudo é vendido pela internet, cada vez mais de cada vez mais longe.

O próprio governo, que deveria saber disso e começar a se preocupar com a sangria, envolve-se completamente contra comerciantes e industriais locais, preferindo se vincular a umas tais de Atas de Preço, que - vou adiantar, para o Brasil inteiro - qualquer dia desses explode como tem explodido tantos outros milagres. Explodidos pela falsidade deles, e explodidos pela incompetência de administrações públicas que não se cuidam, não olham para toda a cadeia de negócios, preferindo acreditar, ou fingir, que tais atas são milagrosas. Não são e serão tão pernósticas e prejudiciais à cidade, como serão os tais escritórios virtuais - a maioria deles. Mas é certo que ninguém mais se lembra do escândalo que deu polícia em Alfredo Chaves, vizinha cidade, onde a mentira criminosa se instalou. Alguém se lembra? De qualquer forma, enquanto a espada não cai, vão aqui artesanatos de Cachoeiro, obras-primas artesanais.

Que chegue o dia em que nós todos olhemos para a arte local e para os artistas da terra, com o mesmo olhar com que fitam o que vem de fora e não acrescenta nada, e só nos rouba, no melhor estilo globalizado.

 


Comentários

VEJA TAMBÉM...