Rede municipal de Cachoeiro é a primeira do ES a adotar metodologia Escola da Escolha - Jornal Fato
Educação

Rede municipal de Cachoeiro é a primeira do ES a adotar metodologia Escola da Escolha

Athayr Cagnin e Julieta Deps Tallon são as escolas contempladas


- Divulgação/PMCI

Cachoeiro de Itapemirim é a primeira cidade do Espírito Santo a implantar, em sua rede pública municipal de educação, o modelo pedagógico "Escola da Escolha", que começa a funcionar, já a partir desta semana, em duas unidades de ensino. 

São as escolas de tempo integral Julieta Deps Tallon, do bairro Zumbi, e Athayr Cagnin, no Abelardo Machado, que voltam às aulas na quarta-feira (20). Juntas, vão atender 500 alunos de turmas do 1º ao 5º ano com jornada estendida, das 7h30 às 16h30. 

Adotada em diversos estados brasileiros e com eficácia reconhecida por especialistas da área educacional, a "Escola da Escolha" é uma proposta centrada no protagonismo e no projeto de vida dos estudantes do ensino fundamental. 

Além das matérias do currículo convencional, eles terão liberdade para optarem pelas disciplinas eletivas. Recreio de possibilidades, brinquedoteca, ateliê criativo e clubinho de protagonismo estão entre as atividades que serão realizadas com foco na potencialização do currículo escolar.

"Nossas expectativas em relação a essa metodologia são as melhores, pois trata-se de uma iniciativa de sucesso em mais de 1.300 escolas no país. Estamos confiantes de que nossa rede terá um salto ainda maior em qualidade de ensino", avalia Cristina Lens, secretária de Educação de Cachoeiro. 

Ainda de acordo com ela, a implantação desse modelo cumpre a Meta 6 do Plano Municipal de Educação, por meio da qual é garantida a expansão e qualificação da oferta da Educação de Tempo Integral na rede municipal.

Acolhimento às famílias

Nesta segunda (18), as duas unidades organizaram eventos para acolher as famílias de seus estudantes. Na ocasião, foi apresentado a elas o projeto educacional recém-implementado. "A ideia é que pais e responsáveis entendam a importância de se envolverem nesse novo processo de aprendizagem, que trará muitos benefícios para suas crianças", enfatiza Cristina Lens.

Planejamento e preparação

O começo das aulas em ambas as escolas contempladas somente nesta semana se deve à preparação de seus gestores, pedagogos e articuladores de aprendizagem. 

Desde 5 de fevereiro (data de início do ano letivo na maioria das escolas municipais), eles trabalharam no planejamento das atividades sob instrução de formadores do Instituto de Corresponsabilidade pela Educação (ICE), de Pernambuco, e do ES em Ação, de Vitória, e Movimento Empresarial Sul Capixaba (Messes), entidades com as quais a Secretaria Municipal de Educação firmou acordo de cooperação para implantar o novo modelo pedagógico. 

As atividades com gestores e pedagogos foram promovidas no Centro de Referência, Pesquisa Capacitação do Professor de Educação Básica (Cecapeb), em Morro Grande. Paralelamente, os professores das duas escolas aprofundaram conhecimentos sobre a nova metodologia.

A preparação das duas unidades de ensino incluiu, também, a revitalização e ressignificação de espaços dos prédios para possibilitar a realização de atividades pedagógicas com foco no estímulo à criatividade e no desenvolvimento de competências e habilidades.

Comments

SEE ALSO ...