Falando do Mandato - Jornal Fato
Artigos

Falando do Mandato


Com o texto abaixo, discurso que fiz em inicio de 2017, acho que 1º de janeiro, numa das solenidades de posse como vereador, concluo meus dizeres, aqui no ES de FATO, sobre os dois anos de meu mandato). O discurso foi este:

"Senhor Presidente, Colegas Vereadores, Público presente e, por fim, mas não por último, Caríssimo Prefeito Victor Coelho: - Diz Francesco Guicciardini, historiador italiano, dos anos 1500: - "Pouco e bom, diz o provérbio. Impossível que quem diz muitas coisas não faça muita farelagem". Falarei pouco e direto ao Prefeito, que terá sempre o respeito deste Vereador, que não lhe pediu cargo e não pedirá; que o acompanhará e sugerirá o que - republicanamente - entender bom para Cachoeiro.

E para cumprir a promessa de não falar muito e distribuir farelos no recinto, pontuo:

- Que V. Exa., visando o curto e o longo prazo:

1- Olhe com carinho para o sério problema da acessibilidade e mobilidade urbana - isso está penalizando grave e fisicamente os cachoeirenses e ninguém está nem aí, exceto os que sofrem.

2- Cuide dos Concursos Públicos, como norma.

3- Cuide de Plano Diretor Municipal (PDM) com olhos para o cidadão, e não para a exploração predatória da cidade, como tem sido.

4- Homem de Cultura que é, valorize Cultura local e regional - inclusive folclore e artesanato locais e seus personagens, afastando shows comerciais importados, que arrombam o cofre público - isso é coisa da iniciativa privada.

5- Olhe com carinho para as riquezas do interior do município: turismo, agroturismo, agricultura familiar, pecuária leiteira, etc.

6- Cuide do Rio Itapemirim, com coragem.

7- Dê valor à região sul do Espírito Santo, pois tal valor enriquece Cachoeiro também, com certeza mais do que ficar olhando só para nosso umbigo.

8- Recupere os pontos de visitação turísticos e culturais do município, hoje devastados.

9- Faça pacto republicano com a iniciativa privada, principalmente divulgando nossa produção (mármore, granito, etc.) lá fora, com comprometimento da mesma iniciativa privada com o que há de mais importante no município.

10- Conte sempre comigo na Câmara. Quando eu subir as escadarias do Poder Executivo, SEMPRE subirei pela coisa pública, a favor de Cachoeiro e do povo; NUNCA em favor pessoal ou de amigos. Seja feliz Prefeito, sejamos felizes também. E obrigado aos que votaram em nós".

 

Artesanato Cachoeirense

Tenho reclamado da falta de estrutura maior de apoio do poder público municipal para encaminhar e "proteger" artesões de Cachoeiro; comunidade artesanal de tanta qualidade, que não é qualquer município brasileiro que se emparelha a ele. Apesar dos esforços de alguns servidores (que reconheço), o topo da administração pública local, para além da secretaria competente, não está preparado para a missão... ainda.

Mas com a visita do Governador Renato Casagrande à Feira de Artesanato de Guarapari (na foto sendo recebido pela artesã cachoeirense Sirlei Alves), fiquei muito animado com a possibilidade de, agora, haver progresso público efetivo, graças ao interesse de Casagrande, como confidenciou Sirlei.

 

Conversa dos outros, e minha também

Diz a lenda, uma lenda que espalharam, que aqui, dentre os antigos habitantes, houve um frade e uma freira que se amaram. Benjamin Silva.

Não podemos deixar perder o esforço de Angela Borelli e Valdieri Martim, (eu, em discurso em 25/03/1997). PQP, perdemos. (digo hoje, 05/01/2019, quase 22 anos depois).

Porém, que importa o dia que entardece! A nós que importa o ocaso desta vida, se o nosso coração não envelhece!  Benjamin Silva.

Amigos, eis uma verdade eterna: - o passado sempre tem razão. Nelson Rodrigues.

Tanto bicho morto pela estrada. Tanta estrada morta no horizonte. Tanta rodovia, tanta ponte. Pra chegar a lugar algum. Orlando Moraes.

De que servia fazer leis se a sua execução estava entregue à mais infame corrupção? Jose Bonifácio.

De que serve fazer leis se a sua execução está entregue à mais infame corrupção? José Bonifácio atual.

Em nosso século, o "grande homem" pode ser, ao mesmo tempo, uma boa besta. Nelson Rodrigues.

Dependerás menos do amanhã, se fizeres hoje o que tem de ser feito. Sêneca.

Se você consultar um razoável número de especialistas, acabará confirmando qualquer opinião. Murphy.

Nós não somos atrasados por acaso. Somos atrasados porque o atraso é bem defendido. - Luis Roberto Barroso

Lenine foi uma das grandes decepções de minha vida. Manuel Bandeira

Passarinho de gaiola não sabe viver solto na cidade. Manuel Bandeira

Param os homens, em admiração, diante das rosas. À roseira não dão sequer um olhar.

Joaquim Nabuco.

Esta exposição é de selos ou seios? Até o "olho-de-boi" fixou-se na filatelista. - Mauro Mota.

Há mestres de generosidade excessiva: de tanto dar o que sabem, ficam sem nada. Mauro Mota, falando do Prof. Deusdedit?

A oposição será sempre popular; é o prato servido à multidão que não logra participar do banquete. Joaquim Nabuco.

Quem é moralista acredita ser melhor que os outros, e quem zomba acredita ser mais esperto. Ítalo Calvino.

Nos acostumaram desde a infância a agarrarmos a ideias venenosas que começam sempre com as palavras "Mas todo o mundo" Amós Oz.

Às vezes se lembravam com os mínimos detalhes de coisas que quase nem tinham acontecido. Amós Oz.

Quem debocha dos outros passageiros na realidade é um bobo que está no mesmo barco. E não existe aqui nenhum outro barco. Amós Oz.

A escuridão está cheia de coisas que decididamente é melhor não encontrar. Amós Oz.

Esperavam, sem saber exatamente o que esperavam. - Amós Oz.

Geralmente os sonhos dele não se interrompem nem quando ele acorda pela manhã. Amós Oz.

Existem respostas espertas e respostas evasivas. Respostas simples e diretas não existem. Amós Oz.

Sem um ouvido paciente, não se ouve a totalidade do silêncio. Amós Oz.

Desconfio do amor de alguém à sua bandeira, quando não o vejo esforçar-se por compreender a bandeira hostil. Ortega Y Gasset.

Mais fácil inflamarmo-nos por um dogma moral que abrir o peito às exigências da verdade. Ortega Y Gasset.

Ó tolo! Tudo dentro de ti está confuso e, no entanto, você penteia a superfície. Buda.

Você pode buscar a paz em qualquer lugar. Mas só irá encontrá-la na verdade da qual está fugindo. Buda.

De duas uma: ou você faz qualquer coisa, ou qualquer coisa lhe será feita. Herman Melville.

Nos extremos nunca está a verdade. Monteiro Lobato.

Um ótimo e produtivo 2019 para TODOS os meus leitores. Higner Mansur.

(Amós Oz, grande escritor e cidadão israelense, amplamente citado aqui, faleceu na semana passada).


Higner Mansur Advogado, guardião da cultura cachoeirense e, atamente, vereador

Comments

SEE ALSO ...