Chegou 2019!!! - Jornal Fato
Artigos

Chegou 2019!!!

Enfim 2019!!! Foi-se embora 2018 com seus espasmos e suas contrações.


Enfim 2019!!! Foi-se embora 2018 com seus espasmos e suas contrações.

Por certo há quem tenha sido marcado positivamente por 2018, sem dúvida muitas coisas boas ocorreram. Contudo, vi muitos inquietos pela chegada do novo ano, ansiosos como nunca nos anos anteriores. Vi muitos que se contorceram por dores diversas e, por isso, colocaram suas forças na expectativa de que 2019 será diferente: mais próspero; mais seguro; mais decente; mais pleno de adições e não de reduções.

Muitas perdas precoces marcaram 2018. Pessoas que anteciparam sua partida pela violência revelada através de seres humanos destituídos de humanidade, bem como revelada por atitudes imprudentes no trânsito. Muitas lágrimas, muitos arrependimentos, muitas carências e uma grande quantidade de egocentrismo espalhada pelos ares do Brasil.

Inclusive na última semana do ano, o Estado do Espírito Santo foi dormir com a triste notícia da morte inesperada, descabida e violenta de Gerson Camata. Morte causada por alguém que dividiu mais de 19 anos de sua vida junto à vítima. Isso revela que nem o tempo e nem a partilha de vida são capazes de construir o amor ou, quiçá, a consideração nos corações egoístas, frios e doentes. Contudo, um coração duro assim não se revela na aparência e nem se mostra na suposta educação e docilidade camuflada por muitos homicidas frios e... Nem sei como descrever.

Esse crime descortina o lado obscuro e egoísta/maldoso de alguns indivíduos. Afinal, pelo que foi revelado até o momento, o homicida caluniou e difamou, sem provas, a vítima; foi processado legalmente por este ato; foi condenado a indenizar pelo dano moral causado.

Registra-se que essa indenização não apaga o dano, mas tem por fim compensá-lo irrisoriamente. Em decorrência do processo judicial, o assassino teve um valor bloqueado pelo JUDICIÁRIO e, ignorando toda sua culpa, comprovada no processo judicial, ceifou friamente a vida de um político, um ser humano, que, em geral, deixou um legado positivo na história do nosso Estado. Se não bastasse, eliminou dessa vida um esposo e um pai que lhe possibilitou o sustento próprio e familiar por mais de 19 anos.

Apesar disso, em 2018, muitos e muitas "Gersons Camatas" foram assassinados (as) inaceitavelmente, mas, não temos saída diversa de "chupar mais esse limão" e, assim, amargar seu azedume. Afinal, se já morreram, o que podemos fazer, senão aceitar e continuar - ou recomeçar - a vida? Até quando, meu Deus? Não sei, mas espero que em 2019 não mais.

Assim, entre dores, contrações e espasmos foi-se embora 2018. Já no 1º dia do novo ano, o presidente eleito, Jair Bolsonaro, toma posse e assume muitas responsabilidades, pois a confiança do povo no eleito foi grande. Na posse, o esquema de segurança formado está sendo tão gigante que, no Brasil, ao menos nos últimos 20 anos, não foi visto. E, por ironia, a eleição do novo Governante teve por foco central o fim da violência.

O ano acabou violento e começa com um policiamento mais forte na posse do Presidente e nos litorais, locais buscados pelos brasileiros para se refrescarem do calor que os assola no verão. Contudo, espero que as mudanças tão sonhadas se tornem uma realidade e que 2019 traga a reboque a paz, a segurança e a prosperidade que tanto almejamos.

Adeus 2018, que deixe junto do passado as mazelas em ti experimentadas e que 2019 traga as realizações dos bons projetos tão sonhados pelo povo brasileiro, povo lindo que, apesar dos pesares, não perde o dom de sonhar. E sonhar é o primeiro passo para a realização... Feliz 2019!!!

 

Katiuscia Oliveira de Souza Marins

01.01.19


Katiuscia Marins Colunista/Jornal Fato Advogada e professora

Comments

SEE ALSO ...