Espírito Santo supera meta de vacinação contra gripe - Jornal Fato
Saúde

Espírito Santo supera meta de vacinação contra gripe

Nos grupos prioritários sem meta foram aplicadas 172 mil doses, totalizando 882.385 pessoas vacinadas


A Campanha Nacional de Vacinação contra Influenza termina nesta sexta-feira (15) na maioria dos municípios do Espírito Santo e a meta de vacinar pelo menos 90% do público-alvo, conforme recomenda o Ministério da Saúde, já foi superada pelo estado. Das 786.693 pessoas que compõem os grupos prioritários com meta, 710.385 (90,30%) haviam sido imunizadas até essa quinta-feira (14). Nos grupos prioritários sem meta foram aplicadas 172 mil doses, totalizando 882.385 pessoas vacinadas.

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) comemora o resultado, mas reforça que permanece a orientação de prorrogar a vacinação até o dia 22 de junho naqueles municípios que não atingirem a meta até esta sexta-feira (15). "Isso porque é importante que o estado alcance uma cobertura alta e homogênea. Isso significa que todos os municípios precisam alcançar uma boa cobertura vacinal, pois a falta de homogeneidade pode gerar aumento do número de casos da doença", explicou a coordenadora do Programa Estadual de Imunizações, Danielle Grillo, acrescentando que dos 78 municípios capixabas, 58 haviam atingido a meta até essa quinta (14).

Para esta semana a mais de vacinação, a Sesa ressalta que é importante os municípios continuarem vacinando os grupos prioritários, em especial crianças, gestantes, idosos e pessoas com comorbidades. É que dentro do grupo prioritário, esses grupos são os que apresentam maior risco de complicações caso contraiam o vírus da gripe.

A partir do dia 25 de junho, caso haja disponibilidade de vacinas nos municípios, a vacinação poderá ser ampliada para crianças de 5 a 9 anos de idade e adultos de 50 a 59 anos, conforme recomendação do Ministério da Saúde. Para os municípios que terminarem esta sexta-feira (15) tendo vacinado pelo menos 90% de sua população alvo, cumprindo, assim, a meta da campanha, e tiverem doses remanescentes, a estratégia de ampliar a vacinação para esses outros dois públicos já pode ser adotada a partir de segunda-feira (18).

Cobertura por Região de Saúde
(até essa quinta-feira, 14 de junho)

Metropolitana: 87,53%
Norte: 87,77%
Sul: 95,03%
Central: 95,95%

Comentários

VEJA TAMBÉM...