Atendimento médico noturno na rede pública municipal - Jornal Fato
Saúde

Atendimento médico noturno na rede pública municipal

O programa Saúde não tem Hora, em Itapemirim, começou hoje das 16h às 20h, na região de Itaoca


- Ilustrativa

O programa Saúde não tem Hora, da Secretaria Municipal de Saúde,em Itapemirim, entra em uma nova fase de ampliação. Já estabelecido, agora começa a funcionar também na Estratégia Saúde da Família (ESF) em Itaóca. A ampliação começou hoje, das 16 as 20horas. Os trabalhadores de Itaoca e região que precisarem de atendimento médico poderão agendar a consulta para a noite.

Além de Itaoca, os trabalhadores de Itapemirim também contam com atendimento noturno em três outras unidades: Maria da Penha Freire Mezher, na Vila, UBS de Itaipava e ESF de Itaipava. Para agendar a consulta, basta ir até uma das unidades levando o Cartão do SUS. Além das consultas médicas, o trabalhador também poderá atualizar o cartão de vacinação.

Para o Secretário de Saúde, Júlio César Carneiro, é importante dar condições de acesso e saúde a todas as classes da sociedade, inclusive nossos próprios servidores, trabalhadores do comércio e demais profissionais que são os que mantém nossa economia e contribuem para o município e por isso acabam não dispondo de tempo para ser atendidos ao longo do dia. "Não podemos permitir que os nossos esteios de lares esqueçam de cuidar da própria saúde", disse. 

Comentários

VEJA TAMBÉM...