Ônibus param e deixam população a pé em Cachoeiro - Jornal Fato
Geral

Ônibus param e deixam população a pé em Cachoeiro

Manifestação, que durou 30 minutos, ocorreu no final do dia, nesta sexta-feira (13), sem qualquer aviso prévio à população


Ônibus pararam na Linha Vermelha, em frente à antiga estação ferroviária - Whatsapp

 

 

Redação

  

Mais uma vez a população foi surpreendida pela paralisação de ônibus e isso em pleno final de dia, numa sexta-feira, quando os moradores retornam para suas casas depois de um dia de trabalho.

 

Sem qualquer aviso, motoristas e cobradores pararam os veículos por volta de 17h20 desta sexta (13) na Linha Vermelha, em frente ao prédio da antiga estação ferroviária. Alguns ônibus não pararam, mas circularam vazios.

 

O movimento, no entanto, ao contrário da última vez, durou pouco tempo, cerca de 30 minutos.

 

De acordo com o presidente do Sindicato dos Motoristas de Cachoeiro, Elias Brito Spoladore, a manifestação não partiu do sindicato, mas de um grupo de funcionários insatisfeitos com o atraso no pagamento dos salários.

 

Segundo ele, a empresa pagou nesta sexta-feira o tíquete alimentação dos motoristas, que deveria ter sido pago no dia 23 do mês passado e se comprometeu a pagar o tíquete dos cobradores na próxima semana.

 

Já o salário do mês, que deveria ser pago até o quinto dia útil, que foi na sexta-feira passada, dia 6, ainda não foi quitado.

 

O gerente de tráfego do Consórcio Novotrans, Renato Borges, informou que a movimentação foi organizada por uma minoria de funcionários e não teve a adesão dos demais servidores.

 

"A empresa já fez várias reuniões com os trabalhadores, estão cientes das dificuldades financeiras e também foram informados sobre a programação do pagamento", ressaltou.

 

Ainda, segundo Renato, a empresa repudia a paralisação, feita sem aviso prévio, e afirma que irá tomar providências legais cabíveis contra os responsáveis pelo movimento.

Comentários

VEJA TAMBÉM...