Religião

Ordenado hoje em Cachoeiro o primeiro bispo do município

Nascido em Cachoeiro, Dom Juarez DelortoSecco foi nomeado pelo papa o bispo auxiliar da Arquidiocese do Rio de Janeiro


O cachoeirense Dom Juarez vai ajudar a comandar Arquidiocese do Rio de Janeiro, como bispo auxiliar

Um grande evento foi organizado hoje para a ordenação do primeiro bispo nascido em Cachoeiro de Itapemirim, Dom Juarez DelortoSecco, que foi nomeado pelo papa Francisco no dia 7 de junho para ser bispo auxiliar na Arquidiocese do Rio de Janeiro.

 

A celebração eucarística está programada para às 16h, no parque de exposições Carlos Caiado Barbosa, no bairro Aeroporto.

 

Entre os religiosos confirmados no evento está o cardeal Orani João Tempesta, arcebispo metropolitano de São Sebastião do Rio de Janeiro, que será o ordenante principal.

 

Também estarão presentes na solenidade religiosa, como co-ordenantes, o arcebispo metropolitano de Vitória, Dom Luiz Mancilha Vilela e o bispo diocesano de Cachoeiro de Itapemirim, Dom Dario Campos.

 

Na última quinta-feira, Dom Juarez foi apresentado aos fiéis da Arquidiocese do Rio de Janeiro. No mesmo dia, ele recebeu a bula, que veio do Vaticano e assinada pelo papa, no qual foi oficialmente nomeado bispo.

 

Atualmente com 47 anos, Juarez DelortoSecco nasceu em 4 de julho de 1970 em Cachoeiro. Antes de entrar para o seminário, estudou Direito Civil e exercitou a profissão de advogado.

 

Estudou Filosofia e Teologia no Instituto da Arquidiocese de Vitória e se especializou em Direito Canônico. É Membro da Associação dos Padres do Prado.

 

Dom Juarez foi ordenado padre no dia 10 de março de 2001 por Dom Luiz Mancilha Vilela, arcebispo de Vitória.

 

Na Diocese de Cachoeiro foi membro do Conselho Presbiteral; membro do Conselho Nacional do Prado; pároco da paróquia São Miguel Arcanjo, em Guaçuí (ES); pároco da paróquia São Sebastião, em Cachoeiro do Itapemirim e por fim pároco da catedral de São Pedro Apóstolo, na sede diocesana.

Comentários

VEJA TAMBÉM...