Sedu repassa R$ 50 milhões para construção de 70 creches - Jornal Fato
Estadual

Sedu repassa R$ 50 milhões para construção de 70 creches

O investimento é fruto de recursos próprios do Estado e serão transferidos para os municípios


O secretário Haroldo Rocha também mostrou os novos materiais didáticos que vão beneficiar 45 mil crianças no Espírito Santo (Foto: Divulgação/Sedi/ES)

Por Lorena M Giordina

 

A Secretária de Estado da Educação (Sedu) divulgou nesta terça-feira (13), o valor de R$ 50 milhões que serão destinados para creches de todos os municípios capixabas. Com esse valor é possível construir e equipar 70 creches, por meio do Pacto pela Aprendizagem no Espírito Santo (Paes).

 

O repasse já está disponível para os 78 municípios, que precisam se inscrever até dia 30 deste mês, até o momento 56 já fizeram a adesão e poderão contar com os recursos do Fundo Estadual de Apoio à Ampliação e Melhoria das Condições de Oferta da Educação Infantil no Espírito Santo (Funpaes).

 

A meta é que pelo menos 50% das crianças de 0 a 5 anos, sejam atendidas pelos municípios, realidade que acontece em apenas 31% dos alunos desta idade.

 

"O Fundo foi criado para permitir repasses voluntários e fortalecer o regime de colaboração entre o Estado e os 78 municípios capixabas. Os munícipios não estão conseguindo atender adequadamente e expandir na medida do necessário. A ideia é apoiar para que eles possam acolher mais crianças nessa faixa etária e assim a gente possa qualificar a educação desde a creche até o ensino médio, cuidando para que tenhamos uma geração melhor formada no futuro", explicou o secretário de Estado da Educação, Haroldo Rocha.

 

O secretário Haroldo Rocha também mostrou os novos materiais didáticos que vão beneficiar 45 mil crianças no Espírito Santo. O material cedido pelo estado do Ceará, custou apenas a impressão no valor de R$ 1,5 milhões, e vai atender 1,8 mil professores em 1,8 mil salas de aula. Todos os professores foram treinados para usar este novo recurso, 74 municípios já estão usando o material integrado do 1º ano do Ensino Fundamental.

Comentários

VEJA TAMBÉM...