Judoca cachoeirense passa por cirurgia de emergência após lesão - Jornal Fato
Esportes

Judoca cachoeirense passa por cirurgia de emergência após lesão

Samara Contarini, de 19 anos, sofreu uma luxação de grau 2 na vértebra cervical durante uma competição em São Paulo


- Fotos: reprodução Facebook

A judoca cachoeirense Samara Contarini, de 19 anos, precisou passar por uma cirurgia de emergência na noite desta quarta-feira (18), após sofrer uma luxação de grau 2 na vértebra cervical durante uma competição em São Paulo.

Ela sofreu a lesão quando aplicou um golpe na adversária e caiu de mau jeito. A lesão é considerada gravíssima, uma vez que todos os ligamentos da vértebra romperam e chegaram à medula da atleta. Se a luxação fosse grau 3, ela teria perdido os movimentos.

Nas redes sociais, antes do procedimento médico, Samara disse que entraria para a operação com o pensamento positivo. "Irei para a cirurgia às 18h, com o corpo firme, sorriso no rosto e muita energia que me transmitiram". Ela diz ainda que quando se faz algo com amor, os sofrimentos e as dores são transformadas em superação.

"Hoje é mais um dia para brilhar, para olhar pro céu e agradecer, a vida é bela e frágil", complementa.

Samara foi convocada para integrar a seleção brasileira de Judô, que vai participar de competições na Europa no próximo mês. Ela também treinava para a seletiva que irá determinar quais atletas competirão nos Jogos Olímpicos em Tóquio, no Japão, em 2020. Os médicos irão avaliar se a atleta poderá participar desses eventos.

Samara está internada no hospital Alvorada, em São Paulo.

Comentários

VEJA TAMBÉM...