Cachoeiro recebe prêmio por programa Nossocrédito - Jornal Fato
Economia

Cachoeiro recebe prêmio por programa Nossocrédito

Cachoeiro ficou com o Ouro, pelo desempenho no ano passado, quando os números locais em crédito alcançaram recorde histórico


O Ouro é pelos índices do município, que alcançou recorde histórico em operações

O Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) anunciou durante encontro em Domingos Martins a premiação anual dos escritórios do programa Nossocrédito, que oferece suporte a empreendimentos por meio de empréstimo com juros baixos. Cachoeiro de Itapemirim ficou com o Ouro, pelo desempenho no ano passado, quando os números locais em crédito alcançaram recorde histórico.

"Em 15 anos de programa em Cachoeiro, ultrapassamos pela primeira vez a marca dos R$ 3 milhões. O reconhecimento agora, com essa premiação, é muito gratificante e estimula ainda a equipe da prefeitura nesse processo de incentivo aos pequenos negócios", comemora o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Felipe Macedo.

A premiação foi entregue durante o Encontro Estadual dos Agentes do Programa, promovido na semana passada no Hotel Fazenda Parque do China. Cachoeiro conquistou o Ouro ao lado de outros municípios. Teve premiação, também, com a Prata e o Bronze, a outros desempenhos de destaque no cenário capixaba do programa.

"É um trabalho que a secretaria faz que vai na contramão do desemprego", afirma Macedo. Para a equipe, ele destaca, a sensação é de dever cumprido, principalmente diante dos novos desafios na economia nacional. "O crédito é uma oportunidade. Aliado a outros tipos de suporte que a prefeitura oferece, como as orientações e os cursos de qualificação, o empreendedor tem a chance de concretizar seu projeto ou ampliar, trazendo benefícios também para a economia da região", avalia.

O programa é fruto de uma parceria entre Bandes, Banestes, Agência de Desenvolvimento das Micro e Pequenas Empresas e do Empreendedorismo (Aderes), prefeituras e Sebrae. O crédito pode chegar a R$ 20 mil e tem taxas que variam de 1,5% a 1,8%.

Comentários

VEJA TAMBÉM...